Project thumb small open uri20131125 2 ehhm1l

Projeto Simultaneidade

Um projeto de Arte por Projeto Simultaneidade 

 
Loading
 
Loading
Loading

//// PROJETO SIMULTANEIDADE ////

Esta é a primeira edição do Projeto Simultaneidade. Um evento multiartístico que acontecerá no Vila Flores, no bairro Floresta, em Porto Alegre, nos dias 6, 7 e 8 de dezembro de 2013.

O Projeto Simultaneidade surgiu do desejo comum de entusiastas, artistas e coletivos em valorizar espaços que guardam as memórias da cidade, transformando-os em núcleos de convívio, de trocas de experiência e de simultaneidades afetivas e criativas.

O Vila Flores, onde será realizado o evento, é um destes espaços, cheio de histórias e que está sendo transformado para abrigar projetos culturais, artísticos, comunitários, musicais, educativos, ambientais e tudo o que a nossa habilidade colaborativa permitir. Formado por 2 prédios, um galpão e um enorme pátio interno, o complexo arquitetônico Vila Flores foi desenhado e construído na virada da década de 20 pra de 30 pelo arquiteto e engenheiro Joseph Lutzenberger, pai do famoso ambientalista.


Pátio interno do Vila Flores e maquete.


Fachada externa do Vila Flores, Rua São Carlos esquina com a rua Hoffmann, bairro Floresta, Porto Alegre

Ativar estas memórias e reinventar os usos, permanências e passagens da cidade é uma arte, que nos inspira a revitalizar nossas relações cotidianas. Com esse objetivo em mente, diversos coletivos de diferentes cidades se reuniram para construir o Projeto Simultaneidade. São eles:

// Vila Flores (POA) – www.facebook.com/vilaflorespoa
// Goma Oficina (SP) – www.gomaoficina.com
// Projeto Vizinhança (POA) – www.projetovizinhanca.art.br
// Geodésica Cultural Itinerante (FLP) – www.facebook.com/geodesicacultural
// Muda Cultural (SP) – www.mudacultural.com.br
// Casa da Cultura Digital (POA) – www.ccdpoa.com.br

Durante três dias, vai acontecer no espaço do Vila Flores uma série de oficinas, exposições, apresentações musicais e teatrais e rodas de conversa. As atividades são abertas, gratuitas e destinadas a todo tipo de público e serão divulgadas na programação oficial do evento!

Para facilitar a organização, o projeto foi dividido em 7 áreas e cada uma delas está articulada por um voluntário que reunirá os artistas que já aderiram ao projeto e também todos aqueles que ainda queiram participar e cujas propostas provoquem novos olhares sobre a cidade.

Abaixo, estão os participantes já confirmados do projeto:

A arquiteta e artista visual Márcia Braga é responsável por reunir uma galera incrível que vai ocupar diversos espaços expositivos no Vila Flores. Entre eles:

// Adriano Becker – Exposição fotográfica realizada em parceria com o Programa Macacos Urbanos (www.ufrgs.br/macacosurbanos)
// Alexandre Lopes Fagundes – intervenção/exposição cenoluminosa (www.claraluziluminacao.com.br)
// Calafia – exposição coletiva de artes visuais (www.calafia.com.br)
// Carol W – intervenção artística (www.elo7.com.br/carolw)
// Christie Meditsch – intervenção têxtil na fachada do Vila Flores (www.christiemeditsch.blogspot.com.br)
// Gus Bozzetti – exposição (http://on.fb.me/1g3KX2O)
// Luciane Bucksdricker – exposição fotográfica
// Luhcas Alves – instalação artística (http://bit.ly/1fgPiOL)
// Moacir Chotguis – instalação artística
// Ney Caminha – exposição (http://goo.gl/Qnd98O)
// Nonô Joris Arteprodutora (www.nonojoris.com.br)
// Núcleo Urbanóide – graffiti (www.flickr.com/urbanoide)
// Or:Be – exposição coletiva de artes visuais (http://coletivoorbe.com)
// Raisa Torterola – performance (www.youtube.com/user/TBraisa)
// Revista J’adore – www.revistajadore.com.br
// Roberta Hentschke – oficina de criatividade (http://boradesign.com.br)
// Roberta Sant’Anna – exposição fotográfica (www.robertasantanna.com)
// R.U.A. – Rastro Urbano de Amor – intervenção artística (www.facebook.com/RUApoa)
// Transitar – atelier de cerâmica permanente
// VendoArte – exposição coletiva de artes visuais (www.vendoarte.net)

O videomaker Thomaz Crocco Selliens (www.jamurvideo.com) irá reunir, através de uma chamada pública vídeos, filmes, curtas, etc que serão selecionados e exibidos durante os 3 dias do evento. Ainda haverá uma intervenção audiovisual da galera da Goma Oficina (http://gomaoficina.com) na fachada do Vila Flores!

O ator Cícero Neves é o nosso parceiro na curadoria de Artes Cênicas. Grupos de Porto Alegre participarão com espetáculos e oficinas estimulando a interação com o público:

// Ato Espelhado – Do Jogo à Palavra: Oficina Teatral de Iniciação à Contação de Histórias / Oficina de sensibilização (http://atoespelhado.blogspot.com.br)
// Teatro Geográfico – Expedição I – Serenata Geográfica. (www.facebook.com/teatro.geografico)
// Caixa do Elefante – Teatro de bonecos (www.caixadoelefante.com.br)

A produtora cultural Ane Saraiva é a responsável pela trilha sonora do projeto! E chamou gente muito bacana pra embalar os 3 dias de evento. Outros músicos que estiverem por lá e quiserem dar uma palhinha poderão usar o palco aberto, que ficará montado durante todo o período.

// Leo Ferlauto – músico e ator (www.youtube.com/user/leoferlauto)
// Marmota Jazz – formada em 2011, a banda vem atraindo a atenção dos fãs de jazz e, principalmente, música instrumental (http://marmotajazz.tumblr.com)
// Escuta O Som do Compositor – coletivo de compositores de música popular (www.facebook.com/escutaosomdocompositor)
// Superluxo (https://soundcloud.com/superluxo)

A designer e permacultora Clarissa Del Fabbro é a responsável por organizar as oficinas de sustentabilidade para deixar o Vila ainda mais florido.

// Ache seu caminho – oficinas de arte e customização de objetos e camisetas.
// Geodésica Cultural Itinerante – oficina de arte, criatividade e sustentabilidade (www.facebook.com/geodesicacultural)
// Raiz Urbana – oficina de horta urbana (www.raizurbana.com.br)

A artista e pedagoga Antonia Wallig é a responsável pelas atividades de Arte Educação. Um convite especial às escolas da região.

// Coletivo E – Ação poético-relacional “As paredes têm ouvidos” (www.facebook.com/coletivoe)
// Taissa Montiel – atividade de arte educação (http://taissamontiel.blogspot.com.br)
// Manoella Rotelli Simões – Ateliê Vivo.

A moradora do bairro Floresta e vizinha do Vila Flores, Barbara Benz, organiza as atividades comunitárias,ela e outros moradores do bairro se juntarão ao evento com seus saberes e experiências para compartilhar!

Além de tudo isso, ainda teremos um espaço “vem e faz”, em que um dos ambientes do Vila Flores estará disponível para conversas, reuniões, palestras, encontros. É só agendar um dia e um horário e chamar a galera pra participar!

A programação continua aberta a todos aqueles que gostariam de participar de alguma forma! Seja colaborando na produção, apresentando um trabalho, divulgando o evento,…

Para viabilizar o Projeto Simultaneidade precisamos muito da sua ajuda! Os R$ 25.000,00 que estamos pedindo no Catarse vai financiar uma estrutura básica para que o evento aconteça e representará a possibilidade de um cachê simbólico para a equipe envolvida.

Esses são os itens que estão no nosso orçamento:

Veja aqui o arquivo do orçamento: http://goo.gl/9dqRm5

Juntos, nós podemos fazer esse evento!